O preço não tem nada a ver com o custo do produto. Quem define o preço é o mercado”, disse um executivo da Mercedes-Benz, para explicar porque o brasileiro paga R$ 265.00,00 por uma ML 350, que nos Estados Unidos custa o equivalente a R$ 75 mil.

“Por que baixar o preço se o consumidor paga?”, explicou o executivo.

Participe no Protesto!

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Das Auto


Um comentário:

  1. Concordo plenamente coma proposta. A hora que os funcionários do ABCD paulista começarem a ficar desempregados, ou em férias coletivas por ninguem comprar carro zero, as montadoras não terão outra opção, a não ser começarem a liquidar suas carroças ao preço de carroças. exemplo disso é a lata de lixo sobre quatro rodas da volks, denominada GOL, series Trash, Ass hole, etc. Tem como opcionais estepe, volante, tampa de combustivel.

    ResponderExcluir