O preço não tem nada a ver com o custo do produto. Quem define o preço é o mercado”, disse um executivo da Mercedes-Benz, para explicar porque o brasileiro paga R$ 265.00,00 por uma ML 350, que nos Estados Unidos custa o equivalente a R$ 75 mil.

“Por que baixar o preço se o consumidor paga?”, explicou o executivo.

Participe no Protesto!

sexta-feira, 18 de maio de 2012

“Os preços dos carros estão muito baixos”






http://omundoemmovimento.blogosfera.uol.com.br/2012/05/17/os-precos-dos-carros-estao-muito-baixos/


Jaime Ardila, presidente da GM América do Sul, está preocupado com a redução da remessa de lucro para as matrizes no 1º. trimestre: foram “só” US$ 329 milhões.
O presidente da GM América do Sul, Jaime Ardila, disse ao jornal O Estado de S. Paulo (6/5/12) que a rentabilidade do negócio de carros no Brasil tem diminuído muito. Mas considera que se trata apenas de uma “fase”. Credita a situação aos preços do mercado, que “estão muito baixos”.
O dirigente falou sob o impacto da redução das contribuições das montadoras instaladas no Brasil às suas matrizes. Segundo dados do Banco Central, a indústria automobilística enviou para as suas matrizes de janeiro a março deste ano US$329 milhões. Ele achou pouco, uma vez que, no mesmo período do ano passado, as remessas foram de US$ 1,69 bilhão.
O setor automobilístico foi o que mais enviou lucros ao exterior no ano passado, um total de US$ 5,5 bilhões.
As quatro grandes montadoras do Brasil diminuíram a sua participação nos lucros das matrizes este ano.
O presidente da GM América do Sul acha no entanto que o mercado voltará a crescer no segundo semestre e calcula um aumento de vendas de 1% a 2% este ano em relação ao ano passado. Esse número é menor do que o projetado pela Anfavea, de 4%, mas mais otimista do que as primeiras previsões de Jaime Ardila, que no início do ano projetou crescimento zero para o Brasil.
A propósito, leia a matéria “Montadores enviam ao exterior US$5,58 bi faturados no Brasil em 2011″ feita pelo jornalista Pedro Kutney no link abaixo:
http://carros.uol.com.br/ultnot/2012/01/27/montadoras-fazem-remessa-recorde-de-us-56-bilhoes-ao-exterior-em-2011.jhtm

Nenhum comentário:

Postar um comentário